segunda-feira, 5 de abril de 2010

Conto a N Mãos - Parágrafo 3


Já tinha passado pelos números subsequentes da casa que precisava encontrar, e aquele aperto no estômago já estava virando náuseas nervosas com aquele calor sufocante que o fazia suar, suar, e a camisa grudada em seu corpo deixou-o extremamente nervoso. Chegou. Entraria, agora que havia encontrado? Passou os dedos pelos lábios para tirar a grossa camada úmida do suor salgado que já estava engasgando-o, andou alguns passos para trás. Já estava tarde, precisava decidir.

(Michele CM) (Anterior) ( Seqüência 1) (...) (Seqüência N)


Veja aqui a explicação deste experimento.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Caro(a) Leitor(a), comentários serão respondidos no local em que forem deixados. Adoto esta política para melhor gerenciar informações. Grata pela compreensão, muito grata por seu comentário. Um abraço fraterno, inté!